segunda-feira, outubro 09, 2006

"GNR disparou contra civis duas vezes em cinco dias no Grande Porto"

in "Público"

O que é mais importante:
- GNR ter disparado?
- Saber as razões pela qual disparou?

O título deste artigo faz-me pensar que o jornalista é mais solidário com os “pobrezinhos” dos ladrões.
Mas será que eles não estavam a fazer nada de mal?

Estes jornalistas só pensam em denegrir a imagem da GNR. Será que as forças de segurança se devem limitar a tomar nota das ocorrências?

Então se os delinquentes não respeitam as autoridades como é?? Na minha opinião devem usar se necessário a força para deter aqueles que de outro modo não obedecem á ordem de parar.

http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1272639

3 comentários:

Anabela & Lara disse...

Concordo contigo!!!

os criminosos cada vez têm mais "regalias"" coitadinhos!

A GNR e a Policia cada vez têm menos autoridade!!

Esse é o nosso país!!

necedu disse...

Tens todas a razão...
Eu gostáva de ver os jornalistas a falar assim se os maridos ou esposas fossem o GNR, que teve que escolher em disparar ou ser morto. Se calhar não pensavam assim.
Os ladrões são sempre coitadinhos, mas eu não sabia que os inocentes fugiam...
Enfim as autoridades são sempre os maus!!

ALEXIA disse...

Não podia concordar mais....

obrigada pela força e uma beijoca