terça-feira, março 27, 2007

"O Véu Pintado"


“Por vezes, a maior viagem é a distância entre duas pessoas”

Ontem fui ao Cinema Alavaláxia ver o Filme “O véu pintado”. É um romance baseado num clássico de Somerset Maugham, o filme é realizado por John Curran e que conta uma história de amor entre um médico, Walter (Edward Norton) e Kitty (Naomi Watts), uma rapariga da alta sociedade que casa para fugir à sua mãe.
Kitty é uma rapariga alegre e que alimenta a ideia de se casar por amor, mas quando Walter a pede em casamento com a iminência de ter de partir para Xangai, Kitty vê-se obrigada a aceitar para assim fugir aos comentários da sua mãe, que apenas tem em mente arranjar-lhe um pretendente.
O jovem casal parte para Xangai, mas Kitty sente-se vazia, perdeu a alegria que tinha, a vida nocturna não a preenche, a sua vida amorosa muito menos, e encontra refugio numa relação extraconjugal que mantém com um conhecido da sociedade de Xangai. No entanto Walter descobre a infidelidade da mulher e decide colocar um ponto final nela. Consciente de que o amante da sua esposa não irá assumir a relação entre os dois, Walter coloca a mulher entre a espada e a parede, ou ela vai com ele numa missão de voluntariado para o interior da China ou então ele pede o divórcio. Kitty sem escolha possível, aceita a proposta de Walter, proposta essa à partida suicida, uma vez que vão para uma aldeia toda ela contaminada por uma epidemia de cólera. Os primeiros tempos são muito difíceis, Walter mostra um desprezo enorme por Kitty e agora mais do que nunca ela sente-se e está só. Mas o tempo passa, e ambos crescem como pessoas e evoluem, também devido à difícil situação que os rodeia, e é então que o amor que eles nunca tiveram em comum, vai crescer e transformar esta história numa lindíssima prova de amor e solidariedade humana.

È um filme calmo, com um cenário lindíssimo, e também imagens chocantes derivado à epidemia da Cólera. A banda sonora também está muito bonita, fez com que conquistasse o Globo de ouro para melhor banda sonoro.

Se está pensar em ver o filme, não espere um desfecho feliz, como costumam ser os filmes românticos. Tem mais um final drástico, e mais não digo (E se calhar já disse de mais). :)

5 comentários:

Prima Anabela disse...

olas

já tenho net em casa... qdo te ligares ao msn avisa, dá-me um toque para podermos por a nossa conversa em dia...

ok??

ligas-te hoje por volta das 21h30/22h??

Gioconda disse...

Não vi o filme mas li o livro e gostei bastante.... irei ver quando sair em DVD.... agora quero ver se vou ver aquela comédia com o Hugh Grant... porque eu adoro aquele homem ;)

Bia disse...

Fiquei com curiosidade de o ver mas só quando sair em dvd.
Jinhos fofos apertadinhos

YESALEL disse...

Gioconda:

Para mim também O Hugh Grant é um grande actor, vi apresentação e deve ser bem giro.

Quem leu e viu o filme diz que tem um filme diferente.

Silvia disse...

Adoro esses actores e achei que ia adorar este filme qd vi as imagens na TV...terei penas que esperar pelo dvd...filmes no cinema só para putos...LOL